A FÁBRICA

Maio 08 2008

“Angola é gerida por criminosos”, a afirmação é do ex. músico e activista Bob Geldof , proferida, anteontem, numa conferência sobre Desenvolvimento Sustentável, em Lisboa.
Para sustentar a sua afirmação Bob Geldof disse que “as casas mais ricas do Mundo estão na baía de Luanda, são mais caras do que em Chelsea e Park Lane”, estabelecendo como comparação estes dois bairros luxuosos da capital inglesa.
O Grupo Espírito Santo, que co-organizou a conferência com o jornal Expresso, reagiu prontamente, demarcando-se das afirmações do músico. É natural as instituições financeiras serem esquivas. As instituições políticas, também.
Na realidade, as afirmações não são disparatadas*, por isso, impõe-se uma pergunta: Qual foi a parte que não compreenderam das afirmações de Geldof?
*A única actividade de José Eduardo dos Santos, nos últimos 28 anos, foi ser Presidente de Angola (este facto por si só, quase diz tudo), com esta actividade, tornou-se no homem mais rico de Angola e frequentemente apontado, como um dos 20 homens mais ricos do mundo, apesar de ser difícil, quantificar uma fortuna ilegítima. Como é isso possível?
A explicação, para o enriquecimento ilícito do presidente angolano, talvez esteja no facto de Angola ser considerada em 2003 " como um dos cinco países mais corruptos a nível mundial", no relatório da Transparência Internacional; Madagáscar, o Paraguai, a Nigéria e o Bangladesh são os outros quatro países que disputam com o Estado angolano o triste lugar de nação mais corrupta.
Como disse, Lord Acton, na sua carta ao Bispo M.Creighton, “quando se tem uma concentração de poder em poucas mãos, frequentemente homens com mentalidade de gangsters detêm o controle. A história provou isso. Todo o poder corrompe: o poder absoluto, corrompe absolutamente.”
publicado por armando ésse às 09:47
Tags:

De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



mais sobre mim
Maio 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

15
16

22



pesquisar
 
subscrever feeds
blogs SAPO