A FÁBRICA

Maio 30 2005

Final da Taça dos Clubes Campeões Europeus de 1960/61

SL Benfica 3-2 CF Barcelona

Estádio Wankdorf, Berna

Com o Real Madrid CF eliminado pelo CF Barcelona (como era conhecido durante o tempo do General Franco) ficou o caminho aberto para um segundo clube poder erguer a Taça dos Clubes Campeões Europeus, na sua sexta temporada de existência.
O Benfica também era estreante neste nível da competição.
Nessa noite, os golos do Barcelona foram marcados por dois exilados húngaros - Sándor Kocsis e Zoltán Czibor - mas foi outro húngaro, o treinador do benfica, Béla Guttmann, quem acabou por sair vitorioso. Os golos de Kocsis, aos 20 minutos, e de Czibor, aos 75 minutos, abriram e fecharam a contagem, mas os golos de José Águas (aos 30 minutos), Mário Coluna (aos 55) e de Antonio Ramallets, guarda-redes do Barça, na própria baliza, aos 32 minutos, valeram a primeira vitória do Benfica numa Taça dos Campeões Europeus.
publicado por armando ésse às 12:27

De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



mais sobre mim
Maio 2005
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
24
26



pesquisar
 
subscrever feeds
blogs SAPO