A FÁBRICA

Maio 11 2005

Photographer Philippe Halsman (1906-1979)
Salvador Felipe Jacinto Dali i Domenech nasceu em Figueras, na Espanha, a 11 de Maio de 1904.
Aos seis anos, queria ser cozinheir(a), o que sempre provocou muita graça à família, ele insistir no termo no feminino. Nesta mesma altura pinta o seu primeiro quadro, uma paisagem da sua terra natal.
Aos sete anos, queria ser Napoleão I. O Imperador estava presente no salão do segundo andar da casa paterna, sob a forma de um pequeno barril em madeira contendo chá, que se tomava todos os dias por volta das seis da tarde em família. No ano de 1918 as suas primeiras telas são expostas no Teatro Municipal de Figueras, conseguindo estas atrair a atenção de inúmeros críticos.
Em 1920, consegue atingir um dos seus principais objectivos na vida até à altura, entrar na Escola de Belas-Artes de San Fernando (Madrid), vivendo durante a sua estadia na escola na residência universitária, onde cria amizade com Lorca e Bunuel, sendo estes nomes relevantes na literatura e no cinema.
Por ter provocado provocações na universidade, ao contestar violentamente a capacidade dos seus professores, Dali é expulso, por um ano, de San Fernando. No mesmo ano é preso durante trinta e cinco dias em Gerona, por motivos políticos.
Dali é vítima da sua própria lenda!
A actividade pública de Salvador Dali começa de facto a tomar algum contorno.
Participa nas exposições colectivas organizadas na Galeria Dalmau em Barcelona, em Fevereiro de 1922, sob auspício da Associação Catalã de Estudantes: os seus oito quadros expostos são fortemente criticados. Em 1923 expõe na Sala de Conferencias da Biblioteca Municipal de Figueras.
Mais tarde, em Junho de 1925, apresenta em Madrid o retrato de Bunuel assim como o quadro “Sifão e Garrafas na sociedade dos Artistas Ibéricos”. Finalmente organiza a sua primeira exposição pessoal em Barcelona na Galeria de Dalmau, de 14 a 27 de Novembro de 1925.
Em 1926, faz a sua primeira viagem a Paris, onde se encontra com Picasso, visitando mesmo a casa deste.
Neste mesmo ano é definitivamente expulso de Escola de Bela – Artes.
A sua segunda viagem a Paris aconteceu no ano de 1929, nesta consegue definitivamente conquistar Paris, embora não tenha começado desde logo de um modo triunfal.
O ano de 1929, foi o ano em que todos concordaram, em reconhecer Dali como sendo realmente um Surrealista.
É no Verão de 1929 em Cadaqués que Dali conhece e seduz Gala, o grande amor da sua vida, com quem vai partilhar todas as suas vitórias e derrotas até à morte desta em 1982.
Gala era a mulher dos seus sonhos desde criança, aquela que ele baptizou misticamente de Galutchka, e que personificava diversas jovens e adolescentes.
Em 1932 participa na primeira exposição Surrealista nos Estados Unidos, sendo lá que conhece o negociante de arte norte-americano Julien Livy, que lhe compra a sua obra: “Relógios Moles”. Foi este o quadro que o tornou conhecido nos Estados Unidos, originando assim a sua fortuna.
Outras exposições em que participa são também notáveis, como a de 1938, a exposição Internacional de Surrealismo.
No ano de 1939 rompe definitivamente com o grupo Surrealista e com André Breton, chegando mesmo a o apelidar de Ávida Dollars.
Após uma breve passagem por Paris, Dali faz inúmeras exposições, tais como: a exposição de Roma e Veneza em 1952 e a Exposição na National Gallery em 1953.
NO ano de 1982, ano da morte de Gala, Dali é nomeado Marquês de Púbol, onde vive a partir de então, no Castelo que oferecera a Gala.
Dali morre a 23 de Janeiro de 1989 na Torre de Galateia.
Apesar de Dali ter ganho somas consideráveis de dinheiro, este morre pobre, com uma conta bancária vazia, tal como o seu pai previra.
No entanto deixou ao Estado Espanhol uma herança colossal: sumptuosas mansões e colecções de quadros valiosíssimas.
publicado por armando ésse às 09:20

De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



mais sobre mim
Maio 2005
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
24
26



pesquisar
 
subscrever feeds
blogs SAPO