A FÁBRICA

Maio 06 2009

O escritor Cormac McCarthy é o segundo norte-americano a ser galardoado com o prémio de carreira PEN/Saul Bellow ,depois de em 2007 Philip Roth ter ganho este prémio bienal.
O júri composto por Claudia Roth Pierpont, Philip Roth, e Benjamin Taylor, distinguiu "um notável autor norte-americano de ficção vivo cuja obra possui qualidades de excelência, ambição e êxito ao longo de uma carreira uniforme que o colocam no mais alto lugar da literatura norte-americana", atribuindo-lhe o prémio PEN/Saul Bellow no valor de 25.000 dólares.
Cormac McCarthy junta este prémio ao Pulitzer de 2007 pelo romance apocalíptico “A Estrada” e ao National Book Award por “Belos Cavalos”.
O seu livro “Estes País Não é Para Velhos” foi adaptado ao cinema pelos irmãos Coen, tendo ganho o Óscar de Melhor Filme do ano 2007.
Cormac McCarthy nasceu em Rhode Island, a 20 de Julho de 1933. Na juventude foi viver para Knoxville, no Tennessee que virá a ser o pano de fundo dos seus primeiros romances. Estudou Artes na Universidade do Tennessee e por incompatibilidades com a família, alistou-se na Força Aérea dos Estados Unidos onde serviu quatro anos. Em 1976 mudou-se para El Paso, Texas e actualmente vive em Santa Fé, Novo México, com a mulher e o filho.
Em 40 anos de carreira literária, editou nove romances, estando editados em Portugal, os seguintes livros: O Guarda do Pomar, Filho de Deus, Belos Cavalos, Meridiano de Sangue, Este País Não é Para Velhos, A Estrada e Suttree.
O escritor é considerado um dos grandes nomes do romance contemporâneo norte-americano, ao lado de nomes, como Don DeLillo, Philip Roth e Thomas Pynchon.
publicado por armando ésse às 15:58

De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



mais sobre mim
Maio 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
19
20
21
22
23

24
30

31


pesquisar
 
subscrever feeds
blogs SAPO