A FÁBRICA

Fevereiro 06 2009

O nadador norte-americano Michael Phelps, fotografado a fumar cannabis, veio para o jornal Baltimore Sun com “paninhos quentes”, dizer que não estava “orgulhoso” do seu comportamento, que qualificou de “estúpido”.
“Obviamente, faltou-me discernimento e é uma coisa de que não estou orgulhoso. Sempre tirei lições dos erros que cometi na minha vida. Tenho a intenção de fazer o mesmo após o sucedido”, indicou Phelps, acrescentando que “foi estúpido e não voltará a acontecer”.
Quem não esteve pelos ajustes foi a Federação de natação dos Estados Unidos que decidiu suspender por três meses o nadador olímpico.
Em comunicado, a Federação de Natação americana diz que não se trata de sancionar uma “conduta de doping”, mas antes de enviar uma “mensagem forte” à estrela olímpica, considerado um modelo para a juventude.“Não se trata de uma situação na qual houve violação das regras anti-doping, mas decidimos enviar uma mensagem forte a Michael, porque ele desiludiu muitas pessoas, em particular centenas de milhares de crianças membros do USA Swimming, que o respeitam e o consideram um modelo”, indica o comunicado.
Além da suspensão de três meses, a marca de cereais Kellogg anunciou que vai cessar o contrato que a liga a Michael Phepls, deixando de o patrocinar no fim do mês de Fevereiro.
Como não é a primeira vez que Michael Phelps é apanhado com o pé em falso, que aproveite o tempo de suspensão para reflectir sobre se a sua conduta pública é adequada ao estatuto que usufrui na opinião pública, quer como atleta quer como modelo para a juventude.
publicado por armando ésse às 10:53

De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



mais sobre mim
Fevereiro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
14

15
16
18
19
20
21

22
24
25
26
27
28


pesquisar
 
subscrever feeds
blogs SAPO