A FÁBRICA

Agosto 17 2005

O Papa Bento XVI pediu desculpas nesta quarta-feira por ser esquecido, o que não ocorreu apenas uma vez, mas duas. No fim da audiência geral semanal, o Papa deixou a janela da sua residência de Verão, em frente da qual estavam milhares de pessoas, a ouvir a tradicional saudação papal em diversos idiomas, e teve que voltar pouco depois. Ao retornar, brincou. “Peço perdão. Esqueci-me do mais importante cumprimento, aquele destinado aos peregrinos que falam italiano”, afirmou em meio a risadas.
O papa de 78 anos então leu uma saudação em italiano, virou-se para sair, quando os assistentes lhe lembraram que havia mais alguma coisa a fazer. Então, o pontífice retornou à janela.
“Hoje, estou-me a esquecer de coisas muito importantes. Parece que eu já estou parcialmente em Colónia”, afirmou. “Eles disseram-me: ‘Você esqueceu o essencial, a bênção”’, acrescentou.
O pontífice deu a bênção e voltou a entrar na sua residência de Verão.
Sinceramente desejo que este esquecimento não tenha nada a ver com o seu compatriota, o senhor Alzheimer.
publicado por armando ésse às 16:14

De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



mais sobre mim
Agosto 2005
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9

20

21
22



pesquisar
 
subscrever feeds
blogs SAPO