A FÁBRICA

Março 31 2005

Terri Schiavo, a norte-americana que se encontrava em coma irreversível há 15 anos, morreu hoje. O marido de Terri Schiavo queria que morresse sem grande sofrimento. Por isso, pediu ao tribunal que lhe fosse retirada a alimentação artificial. O tribunal aceitou, mas a decisão causou polémica. Os pais de Schiavo chegaram mesmo a apresentar vários recursos.
O Supremo Tribunal dos Estados Unidos recusou sempre o pedido dos pais. Os juízes deram razão ao marido e a doente não voltou a ser alimentada. Os tubos foram desligados a semana passada. Depois de duas semanas sem alimentação artificial, Terri Schiavo morreu.
Terri Schiavo viveu estes quinzes anos não naturalmente, como diria Monsieur Armand de La Palisse, se viveu não naturalmente, deveria estar morta naturalmente. A Natureza fez, passe a redundância, naturalmente o seu trabalho.
Que descanse em Paz.
publicado por armando ésse às 20:08

De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



mais sobre mim
Março 2005
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
12

13
15
16
17
18

20
25



pesquisar
 
subscrever feeds
blogs SAPO