A FÁBRICA

Maio 08 2005

A Segunda Guerra Mundial acabou no dia 8 de Maio de 1945, na Europa, quando o marechal Wilhelm Keitel (na foto) assinou a rendição incondicional da Wehrmacht.
Este conflito iniciado pelo III Reich de Adolf Hitler com a invasão da Polónia, a 1 de Setembro de 1939, durou cinco trágicos anos e devastou a vida a mais de 50 milhões de pessoas em todos os continentes.
Passaram 60 anos, mas os investigadores ainda discutem o número exacto de vítimas causadas pela guerra. O ponto assente é que a União Soviética, com 20 milhões de mortos entre soldados e civis, pagou a factura mais elevada. A seguir, na lista do maior número de vítimas, vem a China, com 15 milhões de mortos – na sequência dos massacres do exército japonês, uma das três potências do chamado Eixo, com a Alemanha hitleriana e a Itália fascista de Mussolini.
Mas falar de números e da II Guerra é falar dos seis milhões de judeus chacinados em lugares tristemente célebres como Auschwitz-Birkenau ou Dachau.
O número de vítimas alemãs pode ter chegado aos nove milhões.

Mas se o dia 8 de Maio ficou conhecido como o Dia da Vitória, a esmagadora maioria dos alemães considera que esta foi a data da libertação e não da derrota. Segundo a agência Lusa, uma sondagem do Instituto Polis revela que oito em cada 10 alemães acham que o fim da guerra foi o dia da libertação, e só 9% considera o dia da capitulação, a 08 de Maio de 1945, como o dia da derrota.
Mais do que o dia da rendição alemã, o 8 de Maio de 1945 marca o fim do conflito mais devastador da história europeia e da humanidade.
publicado por armando ésse às 10:30

De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



mais sobre mim
Maio 2005
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
24
26



pesquisar
 
subscrever feeds
blogs SAPO